fbpx

MPF investiga baixa produtividade no INSS em Patos

O Ministério Público Federal converteu em inquérito civil o procedimento preparatório instaurado no ano passado com o intuito de investigar baixa produtividade dos servidores da agência do INSS de Patos, no Sertão do Estado.

De acordo com a portaria, assinada pelo procurador da República Tiago Misael o processo busca saber também a inobservância do prazo mínimo de 45 dias para o primeiro pagamento de benefício.

A investigação foi publicada na edição desta terça-feira (22) do Diário da Justiça Eletrônico do MPF.

Fonte – MaisPB

Qual a sua opinião sobre assunto?

© 2015-2018 CSS Notícias | Desenvolvido por EA Soluções

%d blogueiros gostam disto: