Em Audiência pública população se une em favor de Bonifácio Rocha

De maneira surpreendente, várias entidades de classe, mesmo de modo geral diferenciando-se uma da outra do ponto de vista ideológico,  no no dia 3 de dezembro de 2018 uniram-se pelo mesmo ideal.

Na Associação Comercial de Patos, foi realizada uma audiência pública no intuito de unir forças em defesa do atual prefeito de Patos, Bonifácio Rocha.

Essa audiência foi organizada pela Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Paraíba (CTB/PB) na pessoa do seu Presidente o Sindicalista José Gonçalves, porém de maneira muito espontânea várias entidades se fizeram presentes.

No final do mês de novembro a Câmara dos Vereadores do Município de Patos, por  08 votos a 07 votaram a favor da abertura de investigação contra o Prefeito Bonifácio,  com base em “prova documental” de que ele estaria praticando improbidade administrativa.

O Sindicalista Zé Gonçalves, que presidiu a plenária destacou que essa ação não seria um movimento político-partidário, mas sim, uma ação de cidadania; pois segundo ele Bonifácio estaria sendo vítima de perseguição politica.

Na composição da mesa estavam Sindicalista Zé Gonçalves, Dr. Érico Djan, os vereadores Diogo Medeiros e Paulino Lacerda, o Presidente (ACIAP) o empresário João Batista , o professor Delzymar Dias,  o agricultor José Roberto, Noalyssso, , José de Anchieta (Econômia Popular Solidária) e Maria Joseny (Movimento de Mulheres).

Ainda segundo o Sindicalista essa perseguição teria começado no momento em que Bonifácio teria demitido 784  funcionários comissionados entre eles alguns indicados por vereadores, provocando boicote dos parlamentares em relação ao prefeito.

O Deputado eleito Dr. Érico,  destacou a honestidade com que sempre Bonifácio conduziu a sua vida, e ressaltou que estará pronto para ajudar a cidade de Patos a crescer e coibir ações de pessoas mal intencionadas.

Enfim, todos que estavam presentes tinham o mesmo objetivo, provar a inocência do atual prefeito. Porém, bem mais do que isso defender o município de Patos de grupos políticos que em outros momentos desviaram  verbas do Município.

Diante de tudo isso, fica uma pergunta no ar. Se não existe crime por parte de Bonifácio Rocha, existe por parte de quem o acusa.

Até o momento, se sabe que a câmera utilizou-se de documentos não legitimadas para fazer acusações; a pergunta que fica é. Tal ação por parte desses vereadores, é um ato criminoso ou mera irresponsabilidade?

Nessa terça-feira dia 4 está previsto uma mobilização na Câmara dos Vereadores, como o objetivo de convencer os vereadores a fazer um arquivamento do processo. Os organizadores da Plenária convidam toda a população do município de Patos a se fazerem presentes.

José de Anchieta, destacou que todos fazem politica, seja pela ação, ou pela omissão.  

Qual sua opinião sobre este assunto?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© 2015-2018 CSS Notícias | Desenvolvido por EA Soluções